Menu

Início das comemorações à Semana da Pátria em Herval com a chegada do Fogo Simbólico  

24 AGO 2017
24 de Agosto de 2017

Nessa quarta-feira (23), autoridades e a comunidade em geral recepcionaram o Fogo Simbólico da Pátria, na Praça Marquês de Herval, em comemoração aos 195 anos da Independência do Brasil.

A 89,1 FM esteve presente com o comunicador Paulo Ricardo no evento. Dentre as autoridades presentes, o Prefeito, Rubem Wilhelnsen, o Vice-Prefeito, Fernando Silveira, o Presidente da Câmara de Vereadores, Valter Lima, o vereador Emidio Latorres, a Secretária de Educação, Cristiane D’ávila, a Secretária de Assistência Social, Rosane Wilhelnsen, o Secretário de Saúde, Dioner Azambuja, o Secretário de Finanças, Luis Saraiva, a Secretária de CTDL, Anita Hoffamann, o Secretário de Administração, Milton Gonzales, o Secretário de Agropecuária e Desenvolvimento, Valmir Miliorança; o Presidente dos Sindicato dos Municipários, Santos Homero, o Gerente do Sicredi, Soni Machado, o Presidente do Hospital Nossa Senhora da Glória, Alfeu Fernandes, o Chefe do Escritório da EMATER, Charles de Paul e o Capitão R/1 Oscar de Oliveira Neto.

O Fogo Simbólico foi conduzido pela Liga da Defesa Nacional do Estado do Rio Grande por todo o território nacional, entregue nas mãos na baliza da Banda Juvenil da E.M.E.F Padre Libório Poersch pelo Doutor Fernando Palmeiro. Após o ato, a Baliza entregou o Fogo Simbólico ao Prefeito Rubem Wilhelnsen que acendeu a Pira, simbolizando o inicio das festividades da Semana da Pátria.

O Prefeito Rubem Wilhelnsen recebeu do Capitão da Liga da Defesa Nacional um livro sobre as histórias e as atividades da Liga. Ao agradecer o presente, o prefeito disse que a solenidade é um instrumento para que todos possam aprender a respeitar o Brasil e destacou também a importância da Liga por realizar o trabalho de cultivar o amor e patriotismo.

A Secretária Cristiane D’Ávila agradeceu a presença de todos e convidou para as festividades do dia 1° de Setembro e também para o dia 7 de Setembro, data que marca o aniversário da independência do Brasil. O ato foi encerrado com a participação das Bandas Mirim e Juvenil da E.M.E.F. Padre Libório Poersch.

Fogo Simbólico da Pátria

Em 1937, no Rio Grande do Sul, um grupo de patriotas procurava um símbolo que bem representasse o calor patriótico do povo brasileiro. Surgiu a ideia do Fogo, companheiro do homem desde a pré-história e que, nos tempos modernos, passou a ser cultuado durante as Olimpíadas. Aprovada a ideia, foi decidido que o símbolo receberia a denominação de Fogo Simbólico da Pátria e que deveria percorrer o território nacional, em peregrinação cívica.

A Liga da Defesa Nacional (LDN) se juntou aos idealizadores e criou a corrida do Fogo Simbólico da Pátria, evento realizado pela primeira vez em 1938, no pequeno percurso de 26 quilômetros entre as cidades gaúchas de Viamão e Porto Alegre.

Texto e Fotos: Karoline Peter


Voltar

Clique aqui para editar.

Clique aqui para editar.

Clique aqui para editar.

Clique aqui para editar.

Clique aqui para editar.

Tenha você também a sua rádio